A transformação digital oferece uma série de benefícios para empresas de todos os tamanhos e segmentos. No entanto, os resultados alcançados por essa transformação não são obtidos sem desafios. A nova era digital levou a um aumento exponencial na quantidade de dados, aplicativos e sistemas. E todos eles precisam se comunicar de forma contínua e segura para que os benefícios da transformação digital sejam alcançados. 

A integração destes aplicativos e sistemas através de APIs permitem que os aplicativos se comuniquem e compartilhem informações.

Usar uma integração baseada em API para criar e gerenciar conexões entre aplicativos é extremamente desafiador. Essa integração fornece uma solução para desenvolver e fornecer conexões entre todos os aplicativos e sistemas com os quais sua empresa precisa se conectar hoje. 

Conheça a seguir a função das APIs na integração entre soluções e saiba quais os principais desafios associados à essa tecnologia.

 

O que é uma API?

Em termos gerais, API (Interface de Programação de Aplicações) é um conjunto de instruções de programação que permite que um aplicativo de software se comunique diretamente com outro. Por meio dessa comunicação, um aplicativo pode fazer com que o outro execute uma variedade de tarefas, desde retornar uma resposta a uma consulta específica até iniciar um procedimento mais complexo.

Veja uma analogia que pode ajudar no entendimento do conceito. Imagine-se em um restaurante, verificando o cardápio. Enquanto nele estão listadas as opções disponíveis aos clientes , os ingredientes reais e as atividades necessárias para preparar a refeição estão guardados na cozinha. 

Para ter acesso à refeição, você faz o pedido a um garçom ou garçonete, que leva a sua opção ao pessoal da cozinha para o preparo. Quando a comida estiver pronta, o prato será levado até você para saboreá-lo. Dessa forma, as APIs são como a equipe de espera, enquanto o menu e a cozinha são como os diferentes aplicativos.

 

Onde as APIs são usadas?

Exemplos de APIs em ação são inúmeros. Você encomendou uma viagem pelo Uber? Você pode agradecer às APIs por fazerem isso acontecer. São elas que permitem que o aplicativo de compartilhamento de caronas se comunique perfeitamente com o Google Maps e com qualquer forma de pagamento que você escolher, para que você possa selecionar um local, pedir uma carona e pagar pelo serviço, tudo em um só lugar.

No setor de pagamentos, as APIs permitem que as pessoas façam pagamentos online, verifiquem quando as contas vencem, controlem suas finanças e conduzam uma variedade de outras atividades relacionadas a pagamentos. Na verdade, quase todas as atividades online dependem de APIs de alguma forma.

 

A importância da documentação da API

Para utilizar os serviços habilitados pelas APIs, os consumidores só precisam interagir com qualquer interface que estejam usando. Veja a pesquisa do Google como exemplo. Para pesquisar algo no Google com sucesso, o usuário não precisa saber o que está acontecendo nos bastidores, por assim dizer, eles só precisam saber como navegar na interface.

Para os desenvolvedores, é uma questão totalmente diferente. Considere um desenvolvedor que projeta um novo aplicativo para consumidores que procuram controlar suas finanças. O engenheiro de software precisa configurar o aplicativo para que ele possa se comunicar com sucesso com o banco do usuário por meio da API desse banco. Para fazer isso funcionar, o desenvolvedor de software precisa saber quais informações a API do banco requer e quais respostas (ou ações) o banco oferecerá.

Felizmente, para os desenvolvedores, as APIs devem ser adequadamente documentadas. Essa documentação deve fornecer as instruções técnicas sobre como conectar-se e usar uma API de maneira eficaz; e detalhar exatamente o que um aplicativo precisa enviar à API para fazê-lo funcionar e quais são os resultados possíveis.

A analogia do restaurante, acima, pode ajudar a ilustrar a importância da documentação. Você não pode pedir uma entrada falando algo sem sentido para o garçom. Além disso, as opções disponíveis para você dependem do que está no menu e quais ingredientes estão na cozinha. Se você começar a pedir itens que não estão no menu ou pedir algo que está fora de estoque, não vai conseguir o que deseja. Desta forma, o cardápio, aliado a saber fazer o pedido corretamente ao garçom, serve como uma documentação.

 

Desafios com APIs

Voltando ao exemplo de um desenvolvedor que cria um aplicativo de gerenciamento financeiro, o aplicativo precisa ser capaz de se comunicar com bancos diferentes. Visto que cada banco pode ter sua própria API, o desenvolvedor precisa estar familiarizado com a documentação de cada API. O que funciona para um banco pode não funcionar para outro. Abaixo listamos outros desafios relacionados ao uso das APIs para integração entre as soluções:

Complexidade Tecnológica

A elaboração de um módulo de integração sem falhas requer um amplo conhecimento de tecnologia. Encontrar uma equipe de desenvolvimento  altamente qualificada e experiente, disposta a elaborar a integração para o seu sistema, é um dos maiores desafios para o seu projeto. 

Riscos de Segurança

A segurança cibernética é uma das principais preocupações das empresas. Os resultados de abuso da API, como violações e perdas de dados, podem afetar a reputação e as finanças de uma empresa, sem mencionar o dano que pode ser causado aos clientes finais. Os métodos de violação de dados estão ficando mais sofisticados, o que significa que a integração inadequada pode se tornar um presente para pessoas com intenções maliciosas. É por isso que manter sua integração segura com outro sistema requer controle e aprimoramento constante. 

Manutenção e Atualização

 

Quando uma integração entre o sistema é estabelecida, não é o fim da história. Você precisará da equipe de TI ou pelo menos um desenvolvedor para cuidar da manutenção e atualização da integração. Caso contrário, qualquer alteração funcional feita no sistema pode atrapalhar todo o processo de acesso e manipulação de dados. Além disso, seus clientes podem solicitar modificações e melhorias personalizadas a qualquer momento.

Diversidade de Sistemas

Há uma grande variedade de estilos de arquitetura de software e API. Dado que cada sistema tem sua lógica específica, cada integração tem seus desafios únicos. Quando se trata de integração com várias plataformas, é necessário muito tempo e amplo conhecimento para aprender cada um dos sistemas. Portanto, se você está planejando várias integrações, deve estar ciente de que estabelecer uma conexão com cada terminal não será mais rápido ou mais fácil do que com os anteriores.

 

Considerações Finais

As APIs são essenciais para a transformação digital e para a criação e desenvolvimento de modelos de negócios inovadores. Elas são a base da economia da aplicação, que podem ser desenvolvidas de forma mais rápida, melhor e a um custo menor.

As APIs permitem que o software seja complementado com produtos ou serviços digitais de terceiros para facilitar o desenvolvimento. Além disso, uma boa API pode ajudar a expandir a presença da sua marca no mercado.

No entanto, com o aumento de utilização de APIs, surge também um grande potencial para mais brechas de segurança. O risco é grande na maioria das empresas pelo fato do time de desenvolvimento dar mais atenção a itens como funcionalidades e agilidade do que ao aspecto segurança. Assim, é necessário que os desenvolvedores entendam os riscos associados para manter seguros os dados dos clientes, fornecedores, parceiros e funcionários, além de guias para assegurar que o desenvolvimento de suas APIs não crie problemas de segurança cibernética.