BR +55 11 3069 3925 | USA +1 469 620 7643

Saiba quais os ataques virtuais mais comuns nas empresas e como evitá-los

por | abr 13, 2021 | Blog

Sabemos que a proteção e segurança de nossas atividades e processos empresariais são de suma importância para um negócio. Isso porque, além de invasões cibernéticas serem totalmente frequentes no espaço virtual, também oferecem diversos problemas para a empresa, especialmente no vazamento de dados — cuja ação é intolerável pelas normas da LGPD, por exemplo.

Por esse motivo, entendemos que os ataques virtuais são ações provocadas com cibercriminosos, que buscam roubar dados empresariais e de clientes, a fim de usá-los para fins ilícitos. Por esse motivo, é importante saber como evitar ataques virtuais e a melhor forma para proteger os nossos sistemas contra cibercriminosos.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, confira o nosso post até o final e tire todas as suas dúvidas.

Quais são as consequências de ataques virtuais para empresas?

Como bem sabemos, a importância de sabermos como evitar ataques virtuais em uma empresa é crucial, pois não estamos apenas lidando com dados internos sigilosos, como também com os de nossos clientes.

Por esse motivo, podemos prever algumas consequências negativas para a organização em decorrência dos ataques virtuais . Confira a seguir:

1. Sistemas instáveis

Em geral, uma das questões que precisamos levar em consideração como consequência dos ataques virtuais, é a instabilidade em toda a infraestrutura da empresa. Ou seja, isso pode significar sistemas mais fracos e lentos, fazendo com que processos e atividades sejam interrompidos para que as próprias ações de reparo sejam iniciadas.

Esse processo dificulta a rotina das atividades laborais, desfavorecendo a qualidade e prazo dos produtos e serviços aos seus clientes finais.

2. Redução de clientes

Em consequência de um sistema completamente ineficiente, acabamos notando a perda de clientes em médio prazo. Clientes insatisfeitos com produtos e serviços oferecidos por uma empresa tendem a cancelar contratos imediatamente, gerando ainda mais prejuízos para a organização.

Isso porque os dados de colaboradores e clientes podem ser expostos, o que mancha a reputação da marca e a torna menos competitiva.

3. Custos cada vez maiores

Se os problemas computacionais e tecnológicos acabam sendo frequentes, os custos com reparo e manutenção também serão maiores.

Isso porque os ataques criminosos — quando executados de maneira eficiente — geram prejuízos contínuos, levando a contratação de terceirizadas pela realizar acompanhamentos e manutenções preventivas, além da compra de novos maquinários, softwares e demais outros itens para estabilizar os sistemas internos.

Os 4 ataques virtuais mais comuns às empresas

Agora que você já sabe o conceito e as consequências de ataques virtuais, confira abaixo as que mais ocorrem no ambiente empresarial:

1. Phishing

Em geral, o phishing é extremamente conhecido por ser basicamente uma estratégia para realizar a clonagem de páginas, sites, mensagens, entre outros relacionados. O criminoso que utiliza essa prática busca conquistar clientes, fazendo com que eles enviem dados pessoais, achando que estão se relacionando com empresas totalmente confiáveis.

Um exemplo prático desse tipo de ataque virtual é quando regularmente vemos algumas páginas de internet — seja de bancos, streamings, e-mails — pedindo dados pessoais em troca de benefícios e vantagens.

2. Ransomware

Se tratando de ataques virtuais um dos mais temidos é, certamente, o ransomware. Caso você não saiba, esse tipo de ataque nada mais é do que uma forma inteligente sequestrar dados e informações sensíveis, solicitando o desbloqueio destas.

De forma prática, tudo pode começar através de uma propaganda maliciosa, um gatilho nas mídias sociais ou até mesmo uma mensagem falsa.

Depois que um determinado colaborador da empresa realiza o download de um arquivo com ransomware, o malware já começa a atuar no sistema computacional.

Assim que é instalado, o ransomware criptografa os dados e permite que criminosos possam entrar nos sistemas virtuais da empresa e comece a navegar pelas pastas e documentos, buscando informações pessoais, dados e contas bancárias, estratégias, entre outros.

Quando isso ocorre, os processos relacionados para  evitar ataques virtuais tornam-se muito mais difíceis.

3. Spear Phishing

O Spear Phishing nada mais é do que outro tipo de Phishing, porém ele é focado em empresas e profissionais específicos que atuam no meio virtual.

Assim, consideramos que se trata de uma invasão segmentada pelo próprio criminoso, dispondo de técnicas, dispositivos e ferramentas da engenharia social para elaborar esquemas enganosos e se passar por um e-mail, site, processo ou até mesmo um arquivo para download completamente inofensivo.

4. DDoS

Atualmente, o DDoS é considerado como um dos ataques virtuais mais poderosos na atualidade. Isso porque ele nada mais é do que um “mix de ações” que são direcionadas exclusivamente aos servidores das empresas. De forma prática, ele é totalmente controlado através de um computador mestre, que no caso, seria o criminoso por trás da ação.

Com isso, ele age como se fosse um tipo de sistema totalmente seguro para as vítimas, e a partir daí, oferece espaço para que hackers e cibercriminosos consigam explorar vulnerabilidades para invadir o ambiente virtual das empresas.

Sendo assim, um dos sintomas que o próprio sistema pode apontar é o seu baixo desempenho.

Quer saber mais sobre vírus e ataques virtuais? Acesse agora mesmo o nosso blog e amplie o seu conhecimento sobre o assunto.

Como evitar ataques virtuais?

Depois de entendermos a gravidade das invasões virtuais, já podemos pensar em formas eficientes para nos prevenir destes possíveis ataques:

1. Utilize senhas fortes

Uma das primeiras dicas é ter a responsabilidade e consciência de criar senhas cada vez mais fortes, e de preferência, diferentes entre cada conta. Isso torna o acesso de cibercriminosos muito mais difícil, uma vez que senhas complexas acabam não sendo dedutíveis.

Quanto maior for a importância de um determinado processo sistêmico, mais complexo deverá ser a senha. Exemplos: senhas maiores para processos e aplicativos bancários, senhas menos complexas para login na internet, entre outros relacionados.

2. Use um bom antivírus

Existem diversos antivírus eficientes no mercado virtual. Sendo assim, pesquise por aquele que mais se encaixar às suas necessidades, usufruindo todos os seus benefícios e assegurando de que ele compreende todos os campos de proteção que o seu negócio necessita.

3. Conte com empresas especializadas em segurança

Caso a sua empresa não saiba por onde começar ou não tenha uma noção mais completa dos processos de segurança que suas atividades laborais devem possuir, pode ser crucial ter o apoio e suporte de uma empresa especialista nesse assunto. Sendo assim, busque por uma marca de confiança, que tenha experiência no assunto e excelente reputação no mercado.

Além de suas informações virtuais estarem sob o cuidado de especialistas altamente capacitados, você terá ainda mais tempo para focar em atividades empresariais mais importantes.

Conclusão

Conforme vimos, os ataques virtuais são extremamente frequentes e devem ser um fator a ser levado em consideração pelas empresas que desejam obter excelência e qualidade no mercado.

Portanto, agora que você já sabe como evitar ataques virtuais, que tal conhecer os nossos serviços? Acesse agora mesmo o nosso site faça uma solicitação de Demo de nossas atividades.

Fontes:

https://rockcontent.com/br/blog/ataque-virtual-hoje/

https://computerworld.com.br/seguranca/11-dicas-para-evitar-ataques-ciberneticos/

 

Minha empresa sofreu um ataque ransomware: devo pagar ou não o resgate?

Ataques ransomware são um dos grandes temores das empresas na atualidade. Imagine ter que utilizar recursos do seu negócio para pagar a cibercriminosos. Essa é uma realidade que acontece. No entanto, no caso de a sua empresa sofrer um ataque ransomware, qual a melhor...

Como funcionam os ataques pass-the-hash?

Apesar de ser algo antigo, da década de 1990, poucas pessoas conhecem como funcionam os ataques pass-the-hash. Continue lendo o artigo para saber! De onde veio o nome "pass-the-hash"? Os ataques pass-the-hash ocorrem quando um invasor rouba uma credencial de usuário...

Falha do spooler de impressão do Windows: por que devo atualizar imediatamente?

Atualizar o sistema operacional é uma atividade corriqueira. Entretanto, em julho de 2021, uma das atualizações do Windows da Microsoft ganhou destaque.  Vamos falar aqui sobre: Falha do spooler de impressão do Windows: por que devo atualizar imediatamente? O que é...

A importância de integrar segurança em DevOps

A tecnologia tem sofrido mudanças constantes, visto que as inovações que surgem hoje podem ser superadas amanhã, e assim sucessivamente. Essa é uma realidade que pode ser contemplada no setor de TI ou dos desenvolvedores de softwares das empresas. Como o mercado fica...

Qual a Importância do Quadrante Mágico do Gartner?

Todos nós em algum momento já ouvimos falar de transformação digital. Esse fenômeno atinge empresas de todas as verticais e tamanhos e vem ganhando atenção no mercado. A transformação digital demanda cada vez mais dos líderes organizacionais que adaptem suas...
Copy link
Powered by Social Snap